Black Friday: Uma pesquisa de preços e 6 dicas para evitar a black fraude
Últimos destaques Novo

Black Friday: Uma pesquisa de preços e 6 dicas para evitar a “black fraude”

Embora Black Friday traga boas oportunidades ao consumidor, é preciso evitar algumas armadilhas, como o falso desconto

Na próxima sexta-feira grandes promoções acontecerão nas lojas em todo o Brasil. É a Black Friday, nome dado nos Estados Unidos à última sexta do mês de novembro, que é marcada por descontos de até 80%. Lá o dia virou especial para o varejo por ser no meio do feriado de Ação de Graças, onde os consumidores aproveitam a folga para ir às lojas inaugurar a temporada de compras de Natal.

O termo Black Friday foi usado a primeira vez em 1869 para designar uma sexta-feira onde a Bolsa de Nova York sofreu um grande crash. Mais de cem anos depois, policiais da Filadélfia resgataram o nome pois a cidade virava um caos com o movimento nas lojas. Habilidosos, os marqueteiros adotaram o termo que virou ícone de promoções nos EUA durante a década de 90. No Brasil, sites da internet passaram a usá-lo a partir de 2010, e desde então a Black Friday se popularizou por todo o varejo nacional.

Então essa é uma excelente oportunidade de você encontrar aquela cerveja caríssima por um preço bem acessível, correto? Sim, é verdade, mas existem algumas armadilhas que muitos consumidores caem na Black Friday. A mais comum delas é achar que está comprando um produto com desconto, quando na verdade não está – alguns lojistas aumentam o preço dias antes para baixar na sexta-feira como se fosse desconto (criativo, o brasileiro chamou essa prática de “Black Fraude”).

Assim, antes de estourar o cartão de crédito enchendo seu estoque cervejeiro, tenha cuidado para não ser vítima dessa prática. E, para ajudá-lo, preparamos algumas dicas e fizemos uma pesquisa de preços pré-Black Friday. Confira.  

Dicas para evitar a “Black Fraude”

1- Avalie bem a loja
É muito importante conhecer de quem você está comprando. No e-commerce, vale consultar os reviews do Google e o site Reclame Aqui. Lojas físicas, varejistas que pertencem a redes ou aqueles que são mais tradicionais no mercado, em geral, tendem a ser mais seguros. Evite comprar direto de links enviados por email ou whatsapp e evite pagamentos com dinheiro ou depósito bancário.

2- Verifique a validade das cervejas
É muito comum na Black Friday os varejistas aliviarem seus estoques que estejam próximos ao vencimento. Não há nada de errado com isso, desde que os clientes sejam alertados para a informação. As lojas, online ou físicas, são obrigadas por Lei a alertar o consumidor sobre produtos que estejam a uma semana do prazo de validade.

3- Pesquise os preços regulares
Antes de ir enchendo o carrinho é importante saber se aquela cerveja está mesmo com um bom desconto para não cair naquela maliciosa promoção “metade do dobro” (veja uma lista de preços no fim da matéria).

4- Avalie os riscos das cervejas caras
A cerveja é sensível e um transporte desastroso pode arruinar a bebida. Como essa época é de grande volume de vendas, a tendência é a logística da entrega estar sobrecarregada, o que aumenta o risco de problemas no transporte. Lojas especializadas, normalmente, possuem embalagens mais adequadas ao transporte de cervejas caras. Mas esse é um risco que todo comprador na internet corre, não tem como fugir. Por isso, vale considerar o preço da cerveja versus o risco de ela não chegar boa.

Publicidade

5- Cuidado com a quantidade
Existe uma grande regra para o consumo de cerveja: quanto mais fresca melhor. Por isso, se você não está comprando uma cerveja de guarda, cuidado com a quantidade. Guardar a cerveja em casa por muitos meses pode modificar as características sensoriais e causar surpresas, às vezes desagradáveis, na hora do consumo. Aproveitando essa dica, sempre mantenha a cerveja em pé e em ambientes mais escuros e frios.

6- Guarde os recibos
Se mesmo seguindo essas dicas houver algum problema na sua compra, a primeira coisa a fazer é procurar a loja para solucionar a questão. Se não houver retorno satisfatório, o Procon deve ser acionado. Por isso mantenha todos os registros possíveis durante as compras, como imagens de sites e lojas, previsões de entrega, recibos e notas fiscais.   

Preços antes da Black Friday

Para facilitar a avaliação dos descontos oferecidos na Black Friday, fizemos uma pesquisa de preços em lojas físicas e online, supermercados, empórios, lojas especializadas e market places. Destacamos aqui os preços mais baixos de cada rótulo encontrados antes da Black Friday.

Importadas

Brewdog Punk IPA (American IPA) Garrafa 330ml R$ 21,99
Blue Moon (Witbier) Garrafa 355ml R$ 14,90
Delirium Tremens (Belgian Strong Golden Ale)
Garrafa 350ml
R$ 23,34
Deus (Bière Brut) Garrafa 750ml R$ 349,99
Fuller´s London Pride (Special Bitter) Garrafa 330ml R$ 19,90
Guinness (Dry Stout) Lata 550ml R$ 18,99
Hofbräu Original (Helles) Garrafa 500ml R$ 14,80
Leffe Brune (Belgian Brown Ale) Garrafa 330ml R$  8,90
Paulaner Hefe-Weissbier (Weizenbier) Garrafa 500ml R$ 19,99
Sierra Nevada Torpedo  (American IPA) Garrafa 355ml R$ 14,90

Nacionais

Baden Baden 1999 (Special Bitter) Garrafa 600ml R$ 17,00
Bodebrown Perigosa (Imperial IPA) Garrafa 330ml R$ 19,00
Colorado Ribeirão Lager (Pale Lager) Lata 410ml R$ 4,90
Dama Bier Pilsen (Premium Lager) Garrafa 600ml R$ 17,50
Eisenbahn American IPA (American IPA) Garrafa 355ml R$ 4,99
Hocus Pocus Magic Trap (Belgian Strong Golden Ale)
Garrafa 500ml
R$ 16,18
Krug Oktoberfest (Festbier) Garrafa 600ml R$ 21,90
Lohn Catharina Manga (Sour Ale) Garrafa 330ml R$ 13,79
Tupiniquim Summer IPA (Session IPA) Lata 350ml R$ 7,14
Wäls Petroleum (Imperial Stout) Garrafa 375ml R$ 11,90


0 Comentários

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Lost Password