Porto Alegre lidera alta da inflação da cerveja em outubro
Últimos destaques Novo

Porto Alegre lidera alta da inflação da cerveja em outubro

Após liderar deflação em setembro, Porto Alegre viveu situação inversa em outubro ao apresentar alta de 4,64%

Porto Alegre voltou a ser o fiel da balança no preço da cerveja em domicílio. Mas, agora, foi pela razão inversa. Após liderar a deflação do produto em setembro, a capital do Rio Grande do Sul puxou a alta em outubro, que foi de 0,92% no país, de acordo com dados divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Leia também – Preço da cerveja no domicílio acelera em mês de inflação baixa

Se no país a alta não chegou a 1%, em Porto Alegre ela foi de 4,64%, sendo diretamente responsável pela elevação dos preços da cerveja em domicílio. Outras 13 cidades tiveram inflação entre as 16 capitais pesquisadas, com destaque para São Luís, com 1,68%, e Campo Grande, com 1,25%.

Do lado oposto, por sua vez, apenas duas capitais apresentaram deflação no preço da cerveja em domicílio. As baixas foram registradas em Belém, com queda de 1,58%, e na Grande Vitória, com redução de 0,61%.

Publicidade

Já os preços da cerveja fora do domicílio caíram 0,53% em outubro no cenário nacional. Campo Grande (-3,17%), Aracaju (-2,25%), São Paulo (-1,87%) e Rio Branco (-1,82%) lideram a deflação. Já as maiores altas se deram no Recife, com 1,65%, e em Belo Horizonte, com 1,28%.

Confira, a seguir, a variação do preço da cerveja no domicílio em outubro:
Brasil: 0,92%
Porto Alegre: 4,64%
São Luís: 1,68%
Campo Grande: 1,25%
Curitiba: 0,99%
Rio Branco: 0,85%
Rio de Janeiro: 0,59%
Aracaju: 0,59%
São Paulo: 0,57%
Brasília: 0,48%
Salvador: 0,47%
Goiânia: 0,40%
Recife: 0,24%
Fortaleza: 0,21%
Belo Horizonte: 0,09%
Grande Vitória: -0,61%
Belém: -1,58%

E a variação do preço da cerveja fora do domicílio em outubro:
Brasil: -0,53%
Recife: 1,65%
Belo Horizonte: 1,28%
São Luís: 0,96%
Grande Vitória: 0,70%
Porto Alegre: 0,43%
Fortaleza: 0,42%
Rio de Janeiro: 0,38%
Goiânia: 0,33%
Brasília: 0,16%
Curitiba: -0,29%
Belém: -0,50%
Salvador: -0,90%
Rio Branco: -1,82%
São Paulo: -1,87%
Aracaju: -2,25%
Campo Grande: -3,17%


0 Comentários

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Lost Password