Bicampeão, Medina reforça estratégia da Corona de "vida na natureza"
Últimos destaques Novo

Bicampeão mundial, Medina reforça estratégia de “vida na natureza” da Corona

medina
Cerveja oficial do Mundial de Surf, Corona anunciou patrocínio ao brasileiro logo após a conquista do bicampeonato

A Corona agiu rápido para reforçar sua tradicional estratégia de mercado. Poucas horas depois de Gabriel Medina sagrar-se bicampeão mundial de surf nesta segunda-feira, ao vencer a última etapa da temporada, o Billabong Pipe Masters, no Havaí, a marca anunciou que patrocinará o atleta.

Trata-se de um reforço importante ao conceito de “vida na natureza” da Corona. Além de ser a cerveja oficial do Campeonato Mundial de Surf, a marca lançou recentemente outras duas campanhas para solidificar essa estratégia.

Durante a etapa de classificação do São Sebastião Pro, realizada no início de novembro e válida pelo WQS, a divisão de acesso do Mundial de Surf, a Corona fez uma parceria com a ONG Soul Life para promover uma ação de limpeza da praia. População local, turistas e até surfistas foram convidados a contribuir na iniciativa em Maresias, onde aconteceu a bateria do campeonato.

Na mesma época, em uma campanha assinada pela Wieden+Kennedy, a Corona fez uma ação para incentivar as pessoas a se desligarem do mundo online e da rotina para “curtir o verão do jeito da marca”.

Tais ações, agora, ganharam a cereja do bolo: o patrocínio ao primeiro brasileiro da história a se tornar bicampeão mundial de surf. “Estamos muito felizes de patrocinar, apoiar e trazer ainda mais visibilidade para um dos principais surfistas do Brasil, que é o Medina”, aponta Fernanda Federico, gerente de marketing da Ambev.

“Com essa parceria, reforçamos nosso comprometimento com o surf que transmite todo o conceito de Corona, que convida a galera a viver tudo que a natureza tem a oferecer”, acrescenta.

Head de parcerias globais e atletas da go4it, empresa que cuida da carreira do atleta e gerenciou o contrato com a Corona, Felipe Stanford falou sobre a importância do patrocínio. “A Corona é uma marca global que está no universo e lifestyle do surfe e o Gabriel está muito feliz de ser o embaixador mundial da cerveja.”

A trajetória do bicampeão
Campeão mundial pela primeira vez em 2014, obtendo um feito então inédito ao país, Medina teve um início de temporada irregular, mas se recuperou a partir da sétima etapa, no Taiti. Desde então, venceu três das cinco disputas – e foi semifinalista nas outras duas.

E a última dessas conquistas veio no Havaí. Medina precisava chegar à final para faturar o bicampeonato e teve problemas em alguns rounds, especialmente nas quartas e na semifinal, quando seus concorrentes – respectivamente o norte-americano Conner Coffin e o sul-africano Jordy Smith – iniciaram com boas ondas e colocaram grande pressão na bateria.

Mas Medina, que completará 25 anos no próximo dia 22, manteve a frieza habitual, fez tubos perfeitos – com direito à única nota 10 do campeonato – e assegurou o bicampeonato. Por fim, na decisão, ele derrotou o australiano Julian Wilson, que era seu concorrente pelo título, para ficar também com o troféu da etapa.

“Trabalhei duro neste ano, foi intenso, mas valeu a pena”, comemorou o bicampeão mundial ao término da etapa. “Não tenho palavras, estou muito feliz. Quero agradecer aos amigos e familiares que me deram força. Sempre venho para fazer o meu melhor. Tive fé, tentei o máximo até o final. Vi que os rivais estavam conseguindo boas notas, mas mantive a calma, a concentração, e consegui novamente”.

A Corona, aliás, aproveitou o anúncio do patrocínio para homenagear o atleta. “Aproveitamos e parabenizamos ao Gabriel e toda sua equipe pelo excelente ano, pelo título, e estamos muito contentes com tudo que tem por vir em 2019”, finaliza Fernanda Federico.


0 Comentários

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Lost Password