Lançamentos da Wonderland, da ZEV: As novidades da semana
Últimos destaques Novo

Lançamentos da Wonderland, da ZEV, da Colorado: As novidades da semana

wonderland
Wonderland Brewery lançou a Poacher, uma Imperial IPA feita a partir do parti-gyle, que produz mais de uma cerveja a partir de um único mosto

A semana cervejeira foi repleta de inovações em lançamentos de novos rótulos. A Wonderland Brewery anunciou uma cerveja produzida a partir do processo parti-gyle, a ZEV apresentou três opções de uma Russian Imperial Stout envelhecidos em barris de carvalho e a Colorado decidiu usar a paçoca em mais uma rótulo da sua série Brasil com S. Confira essas e outras novidades selecionadas pelo Guia.

Parti-gyle da Wonderland
A cervejaria artesanal Wonderland Brewery lançará na próxima quarta-feira, no Rio, o seu novo rótulo. Denominado Poacher, é uma Imperial IPA refrescante feita a partir do processo parti-gyle, que produz mais de uma cerveja a partir de um único mosto – em breve, três outros também vão ser lançados. A Poacher possui 8,3% de graduação alcoólica, sendo bastante amarga, com 72 IBUs. A cerveja leva quatro variedades de lúpulo: Amarillo, Simcoe, Centennial e Mosaic, o que resulta, segundo a Wonderland, em notas frutais, herbais e cítricas, além de refrescância. Será oferecida apenas em chope, com tiragem limitada de barris. “Ousadia e criatividade são duas marcas da Wonderland Brewery, por isso estamos tão empolgados em fazer uma cerveja pelo processo de parti-gyle”, festeja Pedro Fraga, um dos fundadores da cervejaria. 

Trio RIS da ZEV
A Cervejaria ZEV, de Suzano (SP), aproveita o inverno para apresentar os seus três primeiros rótulos envelhecidos em barris de carvalho. Eles têm uma base de Russian Imperial Stout, com 11% de teor alcoólico, e ficaram durante oito meses na cave subterrânea da cervejaria, sendo envelhecida em três barricas diferentes: carvalho francês que continha Bourbon, carvalho norte-americano que continha cachaça e carvalho norte-americano que continha uísque. “A nossa RIS está bem porrada, old school, com perfil sensorial bem definido e que absorveu as características da madeira e das bebidas que foram armazenadas anteriormente”, define Mikhail Ganizev, sócio proprietário da cervejaria.

Growler da Maniacs
A cervejaria de Curitiba passou a vender os seus chopes em growlers recicláveis feitos de pet e de 1 litro. Inicialmente serão comercializadas Maniacs IPA, Belgian Wit, Craft Lager e Mad Maniacs. Por se tratar de um produto fresco e não pasteurizado, ele precisa estar sempre refrigerado para não ter sua qualidade comprometida. Preservando o chope em condições ideais, sua validade é de 30 dias.

Leia também: O calendário de cursos das principais escolas no 2º semestre

Paçoca da Colorado
No seu quinto rótulo da linha “Brasil com S”, a cervejaria Colorado incorpora a paçoca em sua receita. A edição 05 é uma English IPA, com 5,7% de teor alcoólico e 45 IBUs. Com coloração cobre, ela apresenta uma turbidez em sua aparência por não passar pelo processo de filtração, algo característico em diversos estilos. Com edição limitada, o novo rótulo será vendido em chope, nos Bares do Urso e na Toca do Urso, e em garrafa, no site do Empório da Cerveja, no Bar do Urso e na Toca do Urso.

Aniversário da Nacional
A paulistana Cervejaria Nacional comemora o seu oitavo aniversário com o lançamento, na próxima terça-feira, de uma nova campanha institucional. A criação é da agência Brancozulu e as entrevistas foram gravadas pelas produtoras Atrás da Moita e DGT Filmes. “Ser a primeira fábrica bar de São Paulo é um grande marco. Nosso objetivo é relembrar, sob a visão daqueles que acompanharam essa história, a importância da Cervejaria Nacional no mercado cervejeiro”, conta Glauco Ciasca, sócio e diretor de criação e estratégia da Brancozulu.

Ação da Corona
Em parceria com a ONG Parley for the Oceans, a Corona realiza mais uma ação do seu projeto contra a poluição marinha pelo plástico: um desafio chamado “Livre de Plástico” para encontrar alternativas ao material. Nesse desafio, start ups, empresas e pessoas físicas acima de 18 anos poderão inscrever, até a próxima quarta-feira, inovações que tragam soluções ao uso do plástico descartável. Os cinco melhores serão convidados para se apresentarem a uma banca de avaliação, no dia 14, que irá considerar pontos como originalidade e impacto real que a novidade vai gerar ao meio-ambiente para escolher o grande vencedor, que receberá um aporte de R$ 20 mil. O projeto da Corona se baseia em três grandes pilares: evitar o uso de plásticos; interceptar e recolher esses materiais nas praias; e recriar as maneiras, os materiais e o pensamento por trás do plástico, pilar principal utilizado nessa nova ação da marca.


0 Comentários

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Lost Password