breaking news New

Caso Backer: 95% das cervejas contaminadas ainda não foram recolhidas

Campanha de recall da Backer terminou semana passada e recolheu 52 mil garrafas. Já Vigilância Sanitária apreendeu 6.600 recipientes

Mais de um mês após a descoberta de contaminação de cervejas da Backer, somente 5,4% de todas as garrafas dos lotes já confirmados como contaminados foram recolhidas pela Vigilância Sanitária e pela cervejaria.

Leia também – Testes em 100 rótulos mostram que caso Backer é isolado; Entidades enxergam ‘lição’ ao setor

A campanha de recall da Backer terminou semana passada e 52 mil garrafas armazenadas na cervejaria foram recolhidas. Já a Vigilância Sanitária apreendeu 6.600 recipientes, que estão guardados em um prédio da Secretaria de Saúde de Minas Gerais à disposição da Polícia Civil e do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), que investigam a contaminação.

Publicidade

Faltam ainda mais de 900 mil garrafas dos 41 lotes já confirmados como contaminados. Em nota, a Backer informou que está se esforçando para recolher as cervejas. “Trata-se de tarefa complexa, dada a capilaridade de distribuição dos produtos no mercado. Apesar disso, a empresa garante que está concentrando todos os esforços possíveis nessa tarefa”, diz a nota.

Os consumidores que ainda não entregaram suas garrafas podem procurar a Backer, o estabelecimento onde a cerveja foi comprada, a Vigilância Sanitária ou o Procon de suas cidades.

O recolhimento dos rótulos foi definido pela Vigilância Sanitária. A cervejaria Backer continua interditada, com a produção totalmente suspensa e a venda de cervejas proibida – nenhum dos rótulos pode ser comercializado, mesmo aqueles que não possuem lotes confirmados como contaminados.

A Polícia Civil de Minas Gerais e o Mapa continuam investigando a contaminação dos 41 lotes de cerveja por mono e dietilenoglicol. Seis pessoas morreram, uma com confirmação de intoxicação pela substância – os outros cinco casos fatais estão sendo analisados.

Ainda estão internadas 25 pessoas com sintomas da intoxicação, das quais 3 já foram confirmadas com dietilenoglicol.

0 Comments

    Leave a Comment

    Login

    Welcome! Login in to your account

    Remember meLost your password?

    Lost Password